Prática e descolada

Hit dos anos 80, a temida, banida e até então crucificada peça, que fez sucesso por sua funcionalidade e praticidade, foi destaque absoluto nas passarelas internacionais de verão 2017, em versões sporty, gipsy e delux.

No início, elas eram destinadas somente ao uso masculino, porém, as mulheres começaram a adotar o acessório, já que era bem prático para carregar itens do dia a dia feminino. Por muito tempo renegadas, elas prometem se proliferar pelas praias, para o desespero de muitas, que nunca foram com sua cara.

Repaginada, a nova tendência chega com design bem mais feminino e descolado do que as encontradas na década de 80. Chamada de belt bag, por parecer uma bolsinha com cinto; a nova tendência confere um toque bem mais sofisticado e não tão casual como as suas antepassadas.

Para perder de vez a carinha cafona ou meio grunge desleixada, a nova pochete chega com ares de riqueza e muita sofisticação, confeccionada com materiais de ótima qualidade e acabamento, além de formatos diferenciados, o que facilita que caiam no gosto das antenadas. As novas reedições trazem modelos em couro ou assemelhado, com texturas e muitos detalhes, como metais, franjas e demais aplicações.

Desse modo, o acessório mostra-se versátil e pode ser perfeito para compor looks de diversas ocasiões, desde os mais descontraídos, até os elegantes e elaborados. Sim, a nova pochete pode te acompanhar à praia, naquele almoço fino, ou na balada.

 

DICAS

É importante lembrar que as pochetes não combinam com qualquer peça de roupa e, sim, com estilo esportivo; nos looks formais não caem bem. Hoje temos várias marcas que oferecem diversos modelos e tamanhos de pochetes.

Vale lembrar que o tamanho depende da quantidade de acessório que você deve levar; existem modelos que são apenas para colocar dinheiro e documentos e opções maiores que permitem celulares, carteiras e outros.

Em produções casuais, a dica é combinar com peças de tecidos leves e fluidos, para marcar a silhueta. Se a proposta for um look requintado e, ao mesmo, com muita personalidade, a ideia é usar com vestidos glamourosos e peças sofisticadas.

O verão pede maxibrincos

 

 

No verão, vale tudo para fugir do calor, até mesmo optar por fios presos para não precisar se preocupar com a produção. Mas os dias mais quentes também são uma oportunidade para usar sem medo um dos acessórios do momento: os maxibrincos!

Em diversos materiais, cores e formatos, os brincos grandes vêm marcando presença nas passarelas e nas praias.

Para não carregar o visual, a dica é deixar que o acessório seja o único destaque da produção – os brincos de argola grande ganham toque bohoe; viram o acompanhamento perfeito para estampas florais, babados e tecidos cheios de movimento.

 

 

Top da vez

 

 

Há alguns verões eles surgiram de maneira nada tímida e inundaram, com o perdão do trocadilho, as praias e piscinas por completo. Sim, eles, os tops frente única de biquíni, que metade das mulheres ama e a outra metade não entende como usar aquilo sem ficar com uma marquinha estranha.

A diferença agora é que, diferentemente do que estávamos vendo, dessa vez eles vêm não só em crochê, mas, principalmente, em outros materiais e estampas, agradando basicamente a qualquer mulher que queira aproveitar mais a água do que o sol em si com muito conforto e segurança.

Dica: mães de crianças pequenas têm amado o modelo, já que dá para brincar com os filhos sem medo e sem abdicar do estilo.

Related News

Leave a Reply

Revista Beach&co